segunda-feira, 27 de julho de 2009

119-Os Extraordinários Benefícios do Carvão Ativado


O carvão

A princípio, este pode ser um assunto que não desperte muito o seu interesse; mas creio que, à medida que você for descobrindo as sensacionais propriedade do carvão ativado. O tema lhe parecerá não só intrigante, mas excelente.

Dadas as suas excepcionais propriedade de absorver toxinas e atuar como curativo, o carvão deveria estar sempre à mãoem todos os lares. Sua utilização é quase universal quanto a da água, tanto do ponto de vista comercial quanto médico. É usado interna e externamente no combate aos mais diversos males – de envenenamento provocado por picadas de abelha e de outros animais a problemas metabólicos, tais como icterícia de recém-nascido e reação alérgica a veneno de hera.

O carvão é um excelente antídoto antidrogas, ou seja, antienvenenamentos. Em 1831, o Dr. Touery sobreviveu após engolir 15 g de estriquinina (dez vezes a dose letal) e igual quantidade de carvão diante de membros da Academia Francesa de Medicina. Em 1913, o Dr. Bertand, outro médico francês, para demonstrar a eficácia do carvão em absorver toxinas, sobreviveu após engolir 5 g de trióxido de arsênico misturado com carvão.

Quando administrado oralmente, o carvão previne com eficácia muitas infecções intestinais. Todos os estudos mostram que seu uso como medicamento não provoca danos à saúde – seja ingerido, seja inalado, seja em contato com a pele, como o metilcolantrene e o benzopireno.

Suas aplicações têm servido aos mais diversos fins: combate a odores no ar e na água, remoção de dióxido de carbono do ar em submarinos, filtragem de venenos em máscaras de gás, preparação de remédios e coloração de doces. Quando moído e guardado num jarro tampado em locais como geladeira, forno, gaveta ou prateleira, é capaz de absorver uma grande variedade de odores, inclusive de ranço. Também é utilizado no tratamento de úlceras da pele, na eliminação de gases intestinais e até como filtro de cigarro. Seu uso interno é indicado para a eliminação de toxinas do sangue nos casos de doenças renais e hepáticas. Externamente, pode ser empregado em banhos e na forma de cataplasmas; estas últimas devem ser aplicadas cuidadosamente quando se tratar de pele recém-ferida, pois pode ocorrer um “efeito tatuagem”, caso as lesões se estendam para a derme.

Aquisição de dosagem

O carvão é adquirido com facilidade em lojas de produtos naturais e em farmácias comuns. É comercializado em pós e na forma de tabletes e cápsulas. Em geral, o melhor é consumi-los em cápsulas, pois estas são produzidas com carvão ativado, que é mais potente na absorção de toxinas. Também é possível prepará-lo em casa – nesse caso, a madeira utilizada deve ser virgem e livre de agrotóxicos.

A dose diária oral recomendada é a seguinte: carvão em pós (uma colher de sopa misturada com um copo d’água); em cápsulas (quatro unidades); em tabletes (oito unidades regulares). Ingerir o carvão na forma escolhida duas vezes ao dia: nomeio da manhã e no meio da tarde. Não deve ser ingerido junto às refeições.

Não se deve ingerir carvão com regularidade por anos seguidos. Contudo, não há evidências de problemas ou efeitos colaterais causados por seu consumo num período inferior a 12 meses. O ideal é que você o use por alguns dias ou semanas e pare ou que o utilize eventualmente quando necessitar.

DOSAGEM EM CASOS DE ENVENENAMENTO POR INGESTÃO

Estima-se que 10 g (aproximadamente uma colher de sopa) de carvão pode absorver somente cerca de 3 g a 7 g de materiais tóxicos. Assim, em caso de envenenamento, é necessário que a dose de carvão a ser administrada seja oito a dez vezes superior à quantidade estimada em peso do veneno ingerido.

As vítimas de envenenamento e intoxicação normalmente são induzidas ao vômito para eliminação da substância tóxica. Tanto o xarope de ipecacuanha como a apomorfina promovem a expulsão de cerca de trinta por cento do veneno presente no estômago; portanto, são ineficazes nesse tipo de tratamento, uma vez que os outros setenta por cento permanecem naquele órgão.

A lavagem estomacal é outro método empregado para tratar casos de envenenamento – o uso do carvão é bem mais fácil, econômico e eficiente.

PROCEDIMENTO EM CASOS DE ENVENENAMENTO POR ANIMAIS

Alguma vez você já levou picadas de marimbondo, formiga vermelha ou formigões? Já foi queimado por uma taturana ou picado por uma aranha-marrom (Loxosceles) ou por um escorpião? Só de pensar nisso, já dá para sentir espanto e dor.

Em todos os casos de acidentes dessa natureza, é necessário ter muito controle e agir rápido.

1.Dissolva uma colher de sopa (cheia) de carvão em pó em água pura até formar uma pasta. (Você deve aumentar a quantidade de carvão de acordo com o tamanho da área a ser tratada e do estado de gravidade que se apresentar.)
2.Faça cataplasma espalhando porções da pasta sobre os pedaços de tecidos dobrados no tamanho adequado à região a ser tratada. Coloque um cataplasma sobre a área afetada e troque-a a cada vinte minutos, por três a quatro vezes.

Picada de aranha-marrom – Nesse caso, a pessoa deve também tomar imediatamente o carvão – uma a duas colheres de sopa (rasa) para um copo d’água, duas a três vezes ao dia. A princípio, o ferimento provocado por esse tipo de aranha quase não provoca dor. Contudo, em 24 horas, se forma uma zona vermelha púrpura em volta do local picado e ocorre aumento da área da picada. Também pode haver outra ulceração muito profunda e grave, capaz de estender-se até o osso durante semanas ou meses. (OBS: Eu já vi casos lesionados por ela, é algo realmente horrível e toma proporções absurdas. Lena).

Certo dia, um garoto chegou correndo à minha casa e disse que sua mãe havia sido picada por uma aranha-marrom algumas horas antes. Mesmo assim, apesar do tempo decorrido desde o acidente, ensinei=lhe o precioso antídoto.No dia seguinte, eu soube que aquela senhora ficou completamente curada.

Picada de cobra – Se não existir antídoto para o veneno ou se o acidente ocorrer em local isolado onde não seja possível dispor desse recurso, aplique imediatamente um cataplasma bem grande de carvão para cobrir quase inteiramente a extremidade do corpo, centralizando o tecido sobre o local da picada. Nesse caso, prepara as cataplasmas utilizando bastante carvão. Troque-as a cada 10 minutos por cinco vezes, no mínimo. Se houver possibilidade, leve, então, a pessoa par avaliação médica.

Fonte > Do livro: Porque pensamento positivo é coisa para pessimista? -Luiz Carlos Amorim

Um outro texto:

Os Extraordinários Benefícios do Carvão Ativado

O carvão ativado contém os minerais existentes nos fósseis vegetais.

Composição: bário, estrôncio, zircônio,vanádio, cobre, lantânio, cromo, ítrio, chumbo, níquel, cobalto, gálio, escândio, estanho, molibdênio, titânio, cádmio, prata, germânio e mais 15 elementos, em sub-traços.

O carvão vegetal é uma substância porosa, capaz de captar e de fixar as substâncias estranhas ou tóxicas que estão no ar, na água, nos alimentos, no nosso corpo ou sobre a pele. O carvão adsorve(1), com eficácia, os medicamentos, entorpecentes, aditivos alimentares, agrotóxicos e adubos químicos, os metais pesados, os gases e os detergentes.

Todas essas substâncias estranhas que invadem o nosso organismo, sobrecarregando e danificando os rins e o fígado, podem ser adsorvidas pelo carvão e excretadas.

Adsorve também as bactérias (como salmonelas e estafilococos), vírus (como o da febre aftosa), as toxinas produzidas pelos bacilos da difteria, do tétano, do botulismo e da gangrena, os tóxicos e ácidos provenientes da decomposição dos alimentos.

O carvão vegetal ativado adsorve as substâncias tóxicas, impedindo ou limitando sua absorção (assimilação) no aparelho digestivo. Impede fisicamente a intoxicação, captando as usbstâncias tóxicas que estão no intestino. Além disso, ele tem a capacidade de ajudar na desintoxicação, pois graças ao efeito da diálise, o carvão também permite eliminar tóxicos que já se encontram no sangue, em contato com a parede intestinal. Não tem efeitos colaterais.
O carvão é usado em casos de:

1. Intoxicação por medicamentos - O carvão ativado adsorve muito bem os antidepressivos, os beta-bloqueadores, os bronco-dilatadores, os barbitúricos utilizados em dose excessiva (como na tentativa de suicídio) e muitos outros medicamentos.

2. Intoxicação por alimentos - Essas intoxicações são provocadas pela toxina secretada por um micróbio presente no alimento infectado (carnes, peixes, crustáceos, conservas, doces, etc). Adsorvendo as bactérias e as toxinas (ex: Escherichia coli, Clostridium perfringens, Vibrio cholerae) o carvão impede que passem para o sangue. O carvão adsorve avidamente até as aflatoxinas, venenos produzidos pelos fungos do bolor, que podem prejudicar o sistema nervoso e causar câncer do fígado (100 gr de carvão ativado adsorvem 1 mg de aflatoxina B1). As aflatoxinas que aparecem, principalmente no pão e no amendoim embolorado, também podem estar presentes no presunto defumado, no coco ralado, em nozes e em amêndoas.

3. Problemas digestivos - Como diarréia, gases e mau hálito. O carvão adsorve os próprios gases ou as bactérias intestinais que produzem os gases.

Em casos de diarréia, o melhor tratamento é a reidratação acompanhada de carboterapia, pois o carvão é eficaz no combate às diarréias provocadas por medicamentos e também à diarréia tão desagradável do turista (tomar 2 colheres de carvão em um copo d'água a cada 4 ou 8 horas).

OBS.: O carvão é usado muito eficazmente, três vezes ao dia, para diminuir o odor das fezes em pacientes com colostomia ou ileostomia.

4. Picada de cobra, aranha, escorpião, abelha, vespa, contato com água-viva.

Como o carvão ativado adsorve o veneno, aplica-se sob forma de pasta, diretamente sobre a picada ou aplica-se uma compressa (envolvendo a pasta de carvão em uma gaze) coberta de plástico. Como medida de primeiro socorro, em caso de picada de cobra, lava-se o local da picada com sabão e mergulha-se durante uma hora em água com carvão (1/2 xícara de carvão para 6 a 15 litros d'água). Depois, aplica-se uma compressa no local da picada, trocando-se a cada 15 minutos. Também ministra-se, a cada 2 horas, por via oral, durante 3 dias.

OBS.: Essas aplicações não devem substituir a busca de ajuda para a aplicação do soro contra o veneno de cobra, aranha ou escorpião.

5. Problemas dos olhos, nariz, garganta e ouvidos - O carvão pode ser usado como germicida no tratamento de infecções superficiais. Um cataplasma de carvão representa, às vezes, o único tratamento de uma furunculose no canal auditivo. Também podemos branquear os dentes escovando-os com o carvão numa escova úmida.

6. Insuficiência renal aguda e crônica - Para combater as complicações infecciosas.

7. Icterícia grave do recém-nascido - Para a adsorção de bilirrubina. No caso de icterícia nuclear, foi possível reduzir a necessidade de transfusão,dando ao bebê 1/2 colher de chá de carvão ativado em uma mamadeira, a cada 3 horas.

8. Feridas infectadas com pus - Como ficou comprovado que os curativos com carvão ativado adsorvem bactérias, diminuem as secreções e reduzem o mau cheiro da ferida, a Grã-Bretanha emprega esses curativos nos campos de batalha. O carvão é também usado em hospitais para curativos de úlceras varicosas infectadas e feridas pós-operatórias infectadas. Constataram que o carvão adsorve Bacillus subtilis, Escherichia coli, Pseudomonas aeruginosa, Proteus vulgaris, Staphylococcus aureus e epidermis. Graças ao carvão uma moça que sofria de diabetes juvenil pôde evitar qeu um de seus pés fosse amputado.

9. Problemas de dependência - O carvão adsorve eficazmente muitas substâncias contidas nas bebidas alcoólicas (o álcool etílico e outras substâncias do gênero), responsáveis pelos sintomas da intoxicação alcoólica aguda. Também ficou comprovado que o carvão é um adsorvente eficaz de diversos alcalóides e principalmente da nicotina e da morfina.

10. Envelhecimento - Como o organismo, ao envelhecer, torna-se mais sensível aos agentes tóxicos, diversos geriatras comprovaram o efeito benéfico de uma dose diária e regular de 20 a 80 gr (3 a 12 colheres de sopa) de carvão em pó, para pessoas de idade. A carboterapia bem conduzida pode regenerar o organismo e aumentar a longevidade.

COMO USAR:

A quantidade mínima de carvão utilizado deve ser igual a 8 vezes a quantidade de tóxico ingerida. Quando a quantidade é desconhecida, administra-se, em caso de intoxicação aguda, 100 a 120 gr( 7 a12 colheres de sopa em água, o suficiente para formar uma sopa espessa).

Se houver dificuldade em beber a sopa, pode-se chupar o carvão diluído por meio de um canudo grosso.

Doses repetidas de carvão ativado permitem aumentar a eliminação dos tóxicos e prevenir a sua reabsorção durante o trânsito pelo aparelho digestivo.
A coloração preta das fezes é um efeito normal que mostra o trânsito intestinal do carvão.

Aconselha-se tomar o carvão em horário afastado das refeições, para evitar a possível adsorção de vitaminas e de oligoelementos. Sugere-se o consumo de até 04 cápsulas ao dia ou a critério médico.

(1)dsorver: significa fixar as moléculas de uma substância na superfície de outra. Esse processo difere da absorção, que consiste em assimilar, consumir as moléculas.
_________

48 comentários:

  1. Minha mãe está com uma úlcera varicosa no pé a uns 2 meses e também num dos dedos d mesmo pé, e além disso é diabética. Ela pode fazer o tratamenocom o carvão ativado? Me expliquem melhor como seria esse tratamento: seria com a ingestõ d cápsulas ou com o pó sobre o ferimeno? Por favor me ajudem, me preocupa muito vê-la sofrer com a contantes dores que sente.
    Meu email para contato é: solangesoila@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. olá,
    como pode haver alguns animais peçonhentos em residencias, como a aranha-marron por exemplo, que álias matei duas em menos de 3 dias, fico preocupada pois tenho um bebê de 5 meses. Gostaria de saber se bebês dessa idade e crianças podem ingerir carvão ativado, em caso de envenamento. Meu e-mail: julisoliver@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. De parabéns pelas informações. Toda é condizente com a receita dada pela terapeuta naturalista. A princípio fiquei temerosa. depois de ler estas informações, vejo que vale o tratamento.

    ResponderExcluir
  4. oi o carvao de churraco serve
    ou seja para churraqueira


    sergioricardo19@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Estou com um sério problema no fígado provocado
    pela injestão de diclofenatos, paracetamol, anti-alérgicos etc ao longo de 12 anos. De que forma posso me beneficiar com o Carvão Ativado?
    Obrigada:
    Bjs Rosa

    ResponderExcluir
  6. Cadê as referências desse texto?? O.o

    ResponderExcluir
  7. Amigo(a), eu não sei a que referências se refere... Se for qto a direitos autorais o primeiro texto coloquei e no segundo recebi por e-mail sem... Se o autor se apresentar evidente que colocarei, pois prezo pelo respeito autoral.

    ResponderExcluir
  8. Olha nem dê bola! Bem possível que seja um médico pedindo isso, pois esses so veem dinheiro e nãoa cura de ninguem....idiotas...é porque assim eles não ganham dinheiro dos laboratorios!"
    Continuem dando informações sim, é o carvão tem me ajudado muito.

    ResponderExcluir
  9. Caro amigo, tanto não dou bola que até coloquei o que o tal anônimo disse e como o blog ´pertence a mim, tenho como selecionar o que desejo que apareça... Mas como tbm meu intuito maior é levar benefícios, especialmente com tudo que seja natural, coloquei o tal comentário ai e respondi tbm... O que muito me intriga são pessoas que entram com julgamentos não procedentes e em anônimato, pois não tem coragem de se sustentar colocando um perfil... Mas enfim, eu respondo e limpo as memórias que compartilho com ele, pois acredito firmemente que sou responsável por atrair pessoas assim e como acredito tbm que não existe nada lá fora, tenho que procurar onde esbarro nisto tbm... Paz do EU à ele e a todos que aqui chegarem!

    ResponderExcluir
  10. estou com grave problema vou seguir esse conselho volto para contar minha experiencia,grata!

    ResponderExcluir
  11. Ola´tdo bem?Minha mae esta com suspeita de psoríase o q se sabe e uma doença de origem psiquica,eu digo suspeita porque foi diagnosticada por um clinico mas esta fazendo tratamento c/varias plantas incluindo carvão e parou de tomar medicamentos controlados como lorazepan e citalopran,de acordo c/terapeuta dela nao se mistura esses medicamentos com naturais.Ela se nega a ir no dermatologista e ja fazem mais de 30 dias e ainda nao melhorou !Ela vai ficar curada somente com plantas?

    ResponderExcluir
  12. Olá Alex, realmente a psoríase é uma das tantas doenças de origem psiquica... O caminho para a fitoterapia ou medicação natural para mim sempre é o ideal, mas em minha experiência tanto comigo e como com as pessoas que atendo há anos, se não for tratado o padrão emocional que originou o problema, pode até melhorar ou ficar bom, porém de alguma outra forma acabará por se manifestar no físico.
    Por isto não abro mão da terapia floral: www.cuidebemdevoce.com
    Abraços,

    ResponderExcluir
  13. Gente... isso não é um tratamento é apenas um adjuvante...
    ele vai auxiliar no tratamento dessas doenças..
    para aqueles que desconfiam dessas funçoes do carvão mineral.. saibam que ele é muito usado em serviços medicos...SUS... em casos de intoxicação , por exemplo, de pesticidas, para impedir que mais substancias sejam absoridas no TGI e caiam na corrente sanguinea

    ResponderExcluir
  14. Também vejo dessa forma Auguta, como um auxiliar, aliás grande auxiliar porque já tive a oportunidade de comprovar na questão TGI (Trato Gastro Intestinal. O caminho de tratamento para mim é outro como já respondi acima, utilizando a natureza apenas para ajudar no que já está somatizado.
    Grata por contribuir!

    ResponderExcluir
  15. Tenho depressão grave já há algum tempo (anos) e semana passada tentei o suicídio, no hospital me deram carvão ativado, achei esse site e gostei muito, vou procurar manter em casa pras coisas mais simples. Obrigada pelas informações.

    ResponderExcluir
  16. Olá sou adepta da fitoterapia e homeopatia,mas não conhecia as potencialidades do carvão, obrigada por divulgá-las. Meu pai contraiu a bactéria pseudomonas aeroginosa em uma internação hospitalar e luta contra elas a meses sem melhoras. Ele está fazendo hemoterapia e uso de remédios alopáticos (antibióticos) mas como disse sem nenhum avanço. Vc acha que o carvão pode ajudar!
    Grande abs,
    Mariana
    marianaborbajp@hotmail.com

    ResponderExcluir
  17. Boa noite, tenho 30 anos e há pouco tempo parei de fumar, então vai a minha dúvida. Será que eu posso usar o carvão ativado em doses homeopáticas para ajudar na desentoxicação do meu organismo? se sim, onde posso comprar o tal carvão? obrigado.

    ResponderExcluir
  18. João Paulo, eu acredito que sim, pois ai na pesquisa é falado no ítem 9: "Problemas de dependência - O carvão adsorve eficazmente muitas substâncias contidas nas bebidas alcoólicas (o álcool etílico e outras substâncias do gênero), responsáveis pelos sintomas da intoxicação alcoólica aguda. Também ficou comprovado que o carvão é um adsorvente eficaz de diversos alcalóides e principalmente da nicotina e da morfina."

    ResponderExcluir
  19. Querida Lena, sofro muito com gases, ja consultei varios medicos, fiz exames e nao me ajudaram em nada, gostaria de saber quantas mg de carvao devo tomar e quantas vezes por dia, eu sei que nao pode ser proximo a tomada de outros remedios. Por favor me ajude!

    ResponderExcluir
  20. Yara, embora natural o carvão ativado tbm tem contra indicações na ingestão... Este artigo é muito bom, porém eu particularmente não indico nada sem consultar se é bom para a pessoa e no caso de ser, a quantidade que ela deverá tomar e por quanto tempo.
    Há um E-Book a venda em meu site que fala mais sobre ele entre uma série de informações para seu problema, bem como receitas de soluções naturalmente maravilhosas: http://www.cuidebemdevoce.com/e-book-desintoxica%C3%A7%C3%A3o-etc.php ... Afirmo-lhe que vale a pena o investimento! Abraços,

    ResponderExcluir
  21. Bom dia
    Gostaria de saber se o uso do carvão ativado, junto com medicações para hopertenção arterial poderá acarretar algum risc para saude.
    Sem mais

    ResponderExcluir
  22. O carvão é absolutamente natural e tem como uma das funções desintoxicar, então eu diria que se fosse afetar medicamentos alopáticos para hipertensão, seria até de forma benéfica, talvez imunizando efeitos químicos que sabemos toda droga conter. Este é apenas meu ponto de vista.
    Abraços,

    ResponderExcluir
  23. Boa noite,
    Lena é a primeira vez que visito o seu blog, e estou encantada com os artigos aqui postados. Onde compro o carvão descrito acima? Parabéns pelas informações prestadas, e continuarei lendo, pois existem informações preciosas por aqui.
    Bjs
    Haydee

    ResponderExcluir
  24. Olá Haydee, grata querida! Compre-o em casa de produtos naturais, porém em muitas farmácias normais é possível encontrá-lo. Bjosss

    ResponderExcluir
  25. Gostei muito das informaçoes sobre o carvao. Devo agradecer-lhe por
    seu intuito em ajudar o proximo. Se, possivel, queria saber se pode
    ser usado em caso de alergia por alimentos, fato que vem ocorrendo de mais em razao da pessima qualidade dos alimentos hoje em dia. Grato.

    ResponderExcluir
  26. Aqui fala no caso de intoxicação, talvez a alergia por alimentos que você fala seja em decorrencia de intoxicação: 2. Intoxicação por alimentos - Essas intoxicações são provocadas pela toxina secretada por um micróbio presente no alimento infectado (carnes, peixes, crustáceos, conservas, doces, etc). Adsorvendo as bactérias e as toxinas (ex: Escherichia coli, Clostridium perfringens, Vibrio cholerae) o carvão impede que passem para o sangue. O carvão adsorve avidamente até as aflatoxinas, venenos produzidos pelos fungos do bolor, que podem prejudicar o sistema nervoso e causar câncer do fígado (100 gr de carvão ativado adsorvem 1 mg de aflatoxina B1). As aflatoxinas que aparecem, principalmente no pão e no amendoim embolorado, também podem estar presentes no presunto defumado, no coco ralado, em nozes e em amêndoas.
    Bem, eu se fosse você ou quem se encontra com essa alergia, tomaria, de qualquer forma não fará mal nenhum, aliás acho que muito pelo contrário... Agora precisa saber se a alergia tem a ver com alimentos realmente... como sou terapeuta e trabalho na causa do que se apresenta no corpo físico, seja de que ordem for, físico, emocional, mental, eu não abriria mão desse tipo de tratamento.
    Boa sorte! Abç,

    ResponderExcluir
  27. Olá Lena,

    Li seu artigo e gostei muito.

    Meu pai está com problemas renais e no figado, ensinaram a ele que a água de carvão de pedra igerida duas vezes por dia seria bom para tratar. Portanto ao pesquisar encontrei esse artigo que faz referëncia a doenças renais e hepatites. Entretanto gostaria de saber se esse carvão a que se refere no artigo é o mesmo carvão de pedra.

    ResponderExcluir
  28. Olá Unknown, o carvão mencionado aqui não se trata de carvão de pedra, aliás jamais ouvi falar sobre este carvão que menciona. Mas, não custa pesquisar já que lhe indicaram.
    Um abraço e boa sorte!

    ResponderExcluir
  29. ola bom dia ..meu nome é maria lucia moro em cuiaba mt .ontem consultei um medico ortomolecular ..ele me indicou carvão vegetal paratratamento de uma infecção no intestino causada por criser repetidas de diverticuçite ...em breve postarei o resultado do tratamento .acredito muito em DEUS ...e com ele vem a cura pela fé ..e pela natureza ..onbrigado ..abraçõs ..

    ResponderExcluir
  30. Estou tomando o carvão vegetal para absorção dos gases intestinais . Ele é simplismente fantástico absorve quase que imediatamente todos os meus gases e tirou todo o inchaço da minha barriga. Tomo sempre nunca usei remédio tão bom para o intestino como esse.

    ResponderExcluir
  31. Se eu colocar este carvão numa panela com água ou no filtro,será que elimina o cloro e os metais pesados e eu posso beber dessa água? Estou querendo ter o hábito de beber 2L de agua ao dia, mas tenho medo do cloro e fluor, sem falar dos metais pesados. Meu filtro é o comum, de barro e a agua que bebo sai da torneira e depois é filtrada, espero que este carvão sirva para melhorar o PH e tirar os elementos acima. zitamyriam@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  32. Olá!Queria saber quantos os medicamentos. Quanto uma pessoas faz acompanhamento com medico, o uso do carvão interrompe a eficácia do medicamento. Exemplo: Tomo remédio capsula de Beringela para ajudar no emagrecimento e se fazer o uso de capsula de carvão se interrompe a eficácia desse medicamento?

    Desde ja agradeço pela resposta.

    ResponderExcluir
  33. Eu acredito que não, muito pelo contrário, só poderia beneficiar, porque até onde sei o carvão atua nos venenos internos do corpo, intoxicações... Um abraço,

    ResponderExcluir
  34. Lena,
    Parabens pelo Blog.
    Tenho esteatose Hepatica e barriga muito inchada.
    Gostaria de saber se posso fazer o uso do carvao para tratamento deste problema?
    No aguardo de sua resposta.

    ResponderExcluir
  35. Segundo pesquisas o carvão é um desintoxicante, então provavelmente fará bem, visto ser o Fígado com funções tão importantes... Veja aqui nesse link, tem o CARBOVITAL e tbm uma série de outros produtos para benefício do Figado e o corpo físico como um todo: http://cuidebemdevoce.com/orthomolecular-natural.php
    Um abraço,

    www.cuidebemdevoce.com

    ResponderExcluir
  36. comecei a tomar capsulas de carvão a 2 meses e minha pele ficou lisinha acabou com as espinhas e acnes, melhorou ate mesmo meu problema com a insonia e no meu caso q sou fumante diminuiu meu vicio , e eu sentia muitas dores nos ossos e juntas ñ sinto mais ,realmente é muito bom mesmo tomei apenas as capsulas de carvão e tive essas melhoras elas me foram indicadas para melhorar o intestino e resolveu dentre estas outras coisas estou muito feliz

    ResponderExcluir
  37. Que maravilha amigo, mas o problema realmente está nos intestinos, ele é o maior depositório de bactérias, etc... que levam a intoxicação de nosso corpo físico... veja aqui, há o Carbovital entre outras coisas absolutamente naturais e maravilhosas: http://cuidebemdevoce.com/orthomolecular-natural.php
    Um abraço,

    ResponderExcluir
  38. OLÁ LENA,TENHO TROMBOSE VENOSA PROFUNDA NA PERNA DIREITA.O QUE QUERO SABER SE O CARVÃO EM CAPSULA TEM ALGUMA INDICAÇÃO PARA ESSE PROBLEMA,COMO POR EXEMPLO DESINXAR A MINHA PERNA,POIS A MESMA É MUITO INCHADA E CANSADA POR CAUSA DA TROMBOSE.

    O MEU EMAIL É- heliopimenta100@hotmail.com,se puder me ajude com esse problema,com ou sem o carvao vegetal em capsula(com outro tipo de tratamento natural.se pider me responda por email,obrigado e fique com DEUS.

    ResponderExcluir
  39. Olá, lena, onde posso comprar no Brasil o CARBOVITAL? Agradeço desde já pela resposta.

    ResponderExcluir
  40. O CABOVITAL poderá ser comprado aqui: http://cuidebemdevoce.com/orthomolecular-natural.php
    Um abraço,

    ResponderExcluir
  41. oi lena, tenho problemas infkamatorios intestinais grav e tomo antibiotico.gostaria de saber se o carvao tira efeto dos medicamentos?

    ResponderExcluir
  42. Eu não saberia lhe dizer, porque não tenho grandes conhecimentos sobre drogas alopaticas... mas no segundo texto diz isto: "1. Intoxicação por medicamentos - O carvão ativado adsorve muito bem os antidepressivos, os beta-bloqueadores, os bronco-dilatadores, os barbitúricos utilizados em dose excessiva (como na tentativa de suicídio) e muitos outros medicamentos."... Não sei qual é seu problema, mas desculpe-me, não acredito que antibióticos sejam o caminho, talvez em um primeiro momento, mas acho que você deveria procurar saber mais a respeito... veja esse artigo, talvez possa ajudar: http://terapiafloralon-line.blogspot.com.br/2013/09/doenca-de-crohn.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi lena, nao tenho crohn,tenho retocolite ulcerativa das mais severa que existe e nao tomo antibióticos pq acredito ser a melhor terapia, é uma questao de sobrevivencia,por isso gostaria de saber se ele tira o efeito dos remédios..poismeu caso é grave e portanto preciso ter bom senso, e muito cuidado.Abraços!

      Excluir
  43. Entendo, mas coloquei esse artigo sobre a doença de crohn por esta razão, veja aqui: A retocolite ulcerativa (RCU) é uma doença que atinge o intestino grosso (cólon) e reto dos pacientes e compõe, junto com a doença de Crohn, um grupo de doenças do intestino chamado de doença inflamatória intestinal...http://lageh.ueuo.com/Leigos/rcu.html ... mas depois que se sabe sobre isto: "... o Dr. Touery sobreviveu após engolir 15 g de estriquinina (dez vezes a dose letal) e igual quantidade de carvão diante de membros da Academia Francesa de Medicina. Em 1913, o Dr. Bertand, outro médico francês, para demonstrar a eficácia do carvão em absorver toxinas, sobreviveu após engolir 5 g de trióxido de arsênico misturado com carvão...", acho que precisaria saber de alguem da área médica que entenda realmente... Tem a Dra. Hulda que teve inúmeros casos comprovados desde Câncer, tbm a doença de crohn (tão séria qto a retocolite ulcerativa) entre outros problemas intestinais e tem como base bactérias e parasitas e pesquisou por anos até chegar a frequencia deste aparelho que se encontra em meu site: http://www.cuidebemdevoce.com/gfu-gerador-de-frequ%C3%AAncia-%C3%BAnica.php ... tenho o pdf do livro dela, mas somente em ingles, se você desejar posso enviar-lhe, meu e-mail é: liberdadedeser@gmail.com ... se entrar em contato não se esqueça de se identificar, pois atendo e falo com muitas pessoas... abç,

    ResponderExcluir
  44. sofro de colite ucerativa ha 10 anos ja estou cansado de tomar remédio e não tenho resultado , faço uso do medicamento sulfassalazina e mesalazina e não tenho obtido resultado vou muitas vezes ao banheiro com diarreia gostaria de saber se eu fizer uso do carvão vegetal resolveria o meu problema, desde já o meu muito obrigado, aguardo resposta !!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até onde sei amigo, o Carvão ativado é muito bom, porém trata-se de um desintoxicante do organismo, acredito que no seu caso, aliás como tem sido o de muitas pessoas, o ideal seria o Magnésio, pois este é necessário para mais de 350 reações metabólicas no nosso organismo, por isto não é de estranhar que ele proporcione o equilíbrio na digestão e nos intestinos. Temos que entender que o Magnésio é um alimento – o corpo precisa dele para funcionar, tal como precisa de oxigênio. Em meus atendimentos ele faz parte da avaliação por radiestesia na quantidade individual para a pessoa atendida: www.cuidebemdevoce.com

      Excluir

Google + 1

Talvez se interesse:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Florais e Cia...