domingo, 21 de fevereiro de 2010

170- VERMINOSE


VERMINOSE

Os parasitas intestinais prejudicam o ser humano porque sugam o alimento que comemos e as energias do corpo.

Sinais e sintomas mais comuns:

Mal estar, dor de cabeça , vertigem, desconforto e fraqueza podem facilmente ser sintomas de parasitose leve ou moderada.
Dores ao redor do umbigo principalmente quando se aperta,.orelhas e nariz coçando, nariz escorrendo. Coloração amarelada no branco dos olhos junto a nariz, rosto amarelado. Dores articulares nos adultos, dores na altura do coração. Reflexos lentos, letargia,. dentes trincados ou rangendo à noite(bruxismo). Coceira anal (oxiúros).Desejo intenso por vários tipos de comida, junto com uma sensação de fome que é difícil satisfazer. Falta súbita de apetite. Arrotos, gases intestinais, indigestão, sensação de ardência no estomago. Diarrréia alternado com prisão de ventre. Giárdia também gera má digestão de gorduras. Áscaris e giárdia afetam a atividade da lactase, enzima que ajuda a digerir lactose, açúcar do leite.Memória ruim, pensamentos confusos, inquietação, agitação contínua. Constrangimento e timidez excessiva, insônia, depressão, apatia, angustia e sensação de opressão no peito.

Os parasitas localizam se também em outros órgãos além do intestino

Vários vermes vivem nos dutos biliares- Fasciola hepática, Stongiloides stercoralis, Amebas necrosam os tecidos do fígado.

Ascaris, Clonorchis e Opistorchis também podem invadir e bloquear os ductos pancreáticos causando pancreatite aguda. Os parasitas podem invadir também coração, pulmões, aparelho genito urinário, olhos.

Prevenção contra reinfestação:

Recomenda se lavar as mãos antes das refeições principalmente das crianças, limpando bem as unhas freqüentemente.
Lavar bem os alimentos, sobretudo as verduras , deixando as de molho em água ozonizada ou água com vinagre durante 15 minutos antes de consumir.
Evitar que ande com os pés descalços em locais onde os cães possam ter evacuados.
Não consumir carne de vaca ou porco mal passada.

Na medicina natural procura combater os fatores que permitiram a instalação de uma verminose. Somente o contato com os ovos ou larvas de parasitas não explica completamente a infestação pois sabe se que jovens e adultos saudáveis constantemente absorvem um ou outro tipo de forma contagiante de parasitas através dos alimentos, sem que desenvolvam parasitoses típicas mas as crianças novas e pessoas debilitadas são suscetíveis de adquirir uma verminose. Portanto procura se elevar a resistência e a capacidade imunológica do organismo e prevenir a reinfestação, enquanto procura criar um ambiente intestinal inospito para parasitas de qualquer tipo.

A macrobiótica recomenda mastigar prolongadamente quatro porções de arroz integral cru em jejum diariamente para eliminar os parasitas que tendem a infestar os intestinos. Em seguida ingerir chá de artemísia e só ingerir alimentos no almoço e no jantar. O tempo de tratamento é de 7 dias. Durante este período não ingerir açúcar branco, leite e derivados, carne , farinhas brancas, bebidas alcoólicas e café .

Fitoterapia:

• Erva de Santa Maria – fazer infusão com 10g de folhas e litro de água e tomar 1 colher das de sopa de hora em hora.Também se usa socar bem a erva, tirar o suco e tomar uma colher de chá depois de cada refeição , durante 7dias.
• sementes de abóbora levemente tostadas e salgadas – 2 colheres de sopa um pouco antes do almoço e jantar.
• Coco verde – comer 1 colher (sopa) da polpa em jejum.
• Hortelã – tomar 1xícara de chá em jejum.
• Losna – fazer infusão com 20 g da folha para 1 litro de água e tomar 2 colheres das de sopa de hora em hora. Não usar qualquer preparado de losna além de 7 dias.
• Figo – extrair o suco das folhas e dos talos, diluir em igual quantidade de água e tomar 2 colheres de sopa em jejum, durante 1 semana.
• Chicória, escarola- chá por infusão 3 a 5 xícaras por dia.
• Couve – tomar 5 colheres(sopa) do sumo por dia
• Limão – esmagar os caroços de um limão, misturar com mel e dar às crianças durante vários dias contra oxiúros.
• Mamão – tomar 3 colheres(chá) do leite que sai quando se corta a fruta com igual quantidade de mel em jejum pela manhã.
• Picão – chá por infusão, tomar 3 a 5 xícaras por dia. Muito eficiente contra vermes do fígado e para tratar hepatites.
• Pitanga - chá por infusão das folhas, tomar 3 a 4 xícaras por dia
• Repolho – tomar em jejum 5 colheres do sumo
• Eucalipto – extrato fluido das folhas. Tomar 3 a 4 colheres de chá em água antes das refeições por 7dias . Repetir mensalmente.
• Romã – ferver a casca do tronco e tomar meia xícara de 3 em 3 horas, durante alguns dias

GELEIA CONTRA VERMES
Clara Brandão, “alimentação altenativa”

4 bananas maduras com casca
1 maço de mastruz com semente
½ maço de hortelã
1 ½ copo de açúcar
Socar bem o mastruz com a hortelã e o açúcar, acrescentar as bananas. Levar ao fogo até dar ponto de geléia comer 1 colher(chá) duas vezes ao dia.

ARGILA - Contra parasitas

Colocar à noite, uma colher de sopa de argila em pó esterilizada num copo da água, mexendo bem,de manhã em jejum tomar a água desprezando a argila que assentou no fundo. Emplastros de argila na barriga também são úteis contra parasitas.

POÇÃO VERMÍFUGA CEARENSE
Maria Odete Uchoa - “A natureza a serviço da vida”

50grams de argila em pó
5gramas de sementes de mastruz
5gramas de hortelã
5 gramas de semente de mamão
5 gramas de semente de bucha (maxixe do pará)
1 colher (chá) de batata de purga
1 colher(chá) de carvão vegetal
Tudo deve ser seco e transformado em pó, misturar bem e passar pela peneira, tomar 1 colher (chá) dessa mistura com água ou leite durante 7 dias. Depois, tomar uma vitamina de jatobá com cajueiro.

BIBLIOGRAFIA
Almanaque de bichos que dão em gente- Sonia Hirsch – Correcotia
A Saúde brota da natureza – Prof.Jaime Bruning
Manual da medicina Integral – Dr. Márcio Bontempo

*********
PRATA COLOIDAL

Pesquisas biomédicas, na Washington University in St. Louis, Missouri, E.U.A., mostraram que nenhum organismo causador de doenças - micróbio, vírus ou fungo - pode viver mais que alguns minutos em presença, mesmo de traços, de Prata metálica. Um antibiótico mata, talvez, meia dúzia de organismos patogênicos diferentes, mas a Prata coloidal mata seiscentos e cinqüenta e, o que é mais importante, não se desenvolvem linhagens resistentes à Prata, como acontece com os antibióticos.

TRATAMENTO PELA PRATA COLOIDAL
A lista seguinte é, apenas, parcial e mostra algumas doenças nas quais o tratamento pela Prata coloidal foi altamente bem sucedido :

Acne, Antrax, Apendicite, Artrite, Pé de Atleta, Infecções Bacterianas, Infecções da Bexiga, Envenenamento do Sangue, Queimaduras. Câncer, Cândida albicans, catarro, síndrome da fadiga crônica, colite, conjuntivite, infecção por Cryptosporidium, cistites, dermatites, diabetes, diarréia, difteria, disenteria, infecções nas orelhas, eczema, vírus Epstein Barr, infecção do Tubo de Eustáquio, fibrosamentos, gastrites, gonorréia, hemorróidas, herpes, impetigo, gripe, desordens intestinais, keratite, doença dos Legionários, lepra, lesões, lupus, malária, doença de Menière, meningites, neurastenia. Oftalmia, febre paratiróidea, pleurisia, pneumonia, vírus da Pólio, desordens da próstata, coceira anal, Psoríase, Piorréia, reumatismo, rinites, tinha rosácea, infecção por Salmonella, escarlatina, seborréia, septicemia, úlcera péptica, cobreiro, câncer de pele, chagas, infecções por Stafilococcus, infecções por Streptococcus, queimaduras solares, sífilis, tétano, tonsilites, fendas nos pés, tuberculose, tifo, úlceras, verrugas, coqueluche e infecções por fermentos.

COMPRE um GERADOR de
PRATA COLOIDAL
e ganhe
um par de eletrodos de
Prata Coloidal
aqui

Google + 1

Talvez se interesse:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Florais e Cia...