terça-feira, 6 de março de 2012

Distúrbios neurológicos > doenças mentais, Mal de Alzheimer Epilepsia, Mal de Parkinson...


Os distúrbios neurológicos comumente causam déficits temporários ou permanentes que prejudicam o indivíduo em suas funções diárias e profissionais, tornando-os, muitas vezes, dependentes parcial ou completamente de outras pessoas. A abordagem especializada contribui substancialmente para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e de seus familiares, apesar das incapacidades persistentes.

Hahnemann, teorizador da homeopatia, ficou 12 anos estudando e pesquisando sobre o que ele denominou “miasmas principais da humanidade”. Cada miasma está associado a uma doença física e tem um medicamento específico, eles possuem aspectos positivos e negativos sendo perceptíveis nos níveis energéticos, mentais, emocionais e físicos. O miasma-mãe seria o da PSORA, permanecendo em estado latente até que uma noxa adoecedora o desperte, desencadeando desde a mais leve desarmonia emocional, até sofrimentos físicos. O grau da Psora dependerá do patrimônio hereditário individual, portanto, é relativo como cada ser vivo reagirá, por exemplo, a um trauma emocional sofrido.
Dependendo desta herança, o ser percorrerá um caminho de materialização de determinada doença de forma mais lenta ou fulminante...
Nós possuimos todos os miasmas, uma percentagem maior ou menor de cada um, que se manifestam e preponderam em diferentes graus de acordo com o nosso padrão vibratório individual
  
MIASMA DA PSORA:
Gostam de viver em comunidades, são muito teóricos, tendo dificuldade para conseguir  concretizar suas idéias.
 
Grandes filósofos, vivem especulando e não se importam com a aparência.

 
Einstein era Sulphur, até a queimação nos pés sentia, levando-o a colocá-los em uma bacia com gelo.

 
Não se incomodam com a desordem, gostam de juntar coisas antigas e as amontoam pelos cantos.
Cascão da matéria médica, podem ser sujos não gostando de tomar banho, ou o contrário.

Mau pensamento predispõe ao contágio da sarna.

 
Alergias com coceira tão intensa que irrompe como um vulcão, co ando até sangrar.

 
O Sarcoptei scabiei foi muito disseminado quando os soldados vinham das cruzadas na idade média.
(MEDICAMENTOS MIASMÁTICOS)

Homeopatia:
SULPHUR E PSORINUM
___________________

O tratamento vibracional dos distúrbios neurológicos é muito importante, tendo em vista as limitações das terapias farmacológicas atuais. Os médicos alopatas dispõem de uma limitada variedade de drogas para oferecer aos pacientes que sofrem de doenças neurológicas. Embora tenham sido feitos grandes progressos no tratamento da epilepsia e da doença de Parkinson, existe um número muito maior de pacientes com distúrbios neurológicos para os quais os médicos dispõem de poucas estratégias de tratamento. Por outro lado, existem numerosas essências florais (e elixires de pedras preciosas) que, segundo se diz, promovem a regeneração neurológica e contribuem para o reequilíbrio dos níveis celular e energético sutil... Uma essência floral que talvez contribua para melhorar a função neurológica é obtida a partir da erva-mate, uma pequena planta perene nativa do Paraguai e do sul do Brasil.

“A erva-mate estimula a regeneração das células cerebrais e, na verdade, facilita a reconstrução dos padrões celulares em partes não-utilizadas do cérebro; por exemplo, se houver uma lesão no hemisfério esquerdo do cérebro, o hemisfério direito procura compensá-la. Além do mais, essa essência aumenta a memória, a visualização e a capacidade de concentração... 
Ela pode ser utilizada no tratamento de qualquer espécie de doença mental e, principalmente, naquelas causadas por desequilíbrios psicoquímicos. Ela também atua sobre a hipófise, cuja influência na personalidade vai muito além do que a ciência ocidental atualmente consegue compreender. Além disso, ela alivia os problemas causados pelo miasma psora* (acima) e atua sobre o fluido etérico, acentuando o seu papel de elemento encarregado de circundar as células e nutri-las com força vital.”

Essência Floral:
ERVA-MATE ( Illex paraguariensis)

Atua no sistema nervoso, refazendo as sinapses e desintoxicando o mesmo para melhor receber a vibração das flores subseqüentes. Ela equilibra o funcionamento entre os dois hemisférios cerebrais. Na prática clínica, também observou-se sua ação em problemas digestivos, constipação intestinal, labirintite. Quando tomada diretamente da essência-estoque, age no cansaço físico e fadiga mental. Porém, o grande trabalho da Erva-mate é realizar um trabalho arqueológico no indivíduo, colocando-o frente a frente ao seu núcleo primordial de desequilíbrios. Esta ação observa-se quando a pessoa já está tomando há meses a essência. (Segundo Gurudas, o floral da Erva-mate tem uma grande indicação em todas as doenças mentais e também no Mal de Alzheimer.) – Florais do Sul

______________

Lembrando:

1.Consulte um médico homeopata para a medicação da homeopatia.

2.As Essências Florais atuam na causa do problema e não apenas aliviando sintomas, complementando a medicina tradicional ou qualquer outro tipo de tratamento, não existindo contra-indicações, atendendo os aspectos da mente subconsciente (desequilíbrio energético que causam as doenças), sendo naturais (não tóxicas). Recorrer a um Terapeuta qualificado é importante, visto que ao auto diagnóstico não é o mais indicado na maioria dos casos.
  

Cuide bem de você...

Google + 1

Talvez se interesse:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Florais e Cia...